(77) 9.9906-1346
DESTAQUES DO LEM NEWS

Dois dias após o referendo independentista na Catalunha, o Rei Filipe VI criticou a conduta dos líderes catalães, dizendo que eles violaram as leis do Estado espanhol e demonstraram uma "deslealdade inadmissível".

"Com as suas decisões, violaram de forma sistemática as normas aprovadas legal e legitimamente, demonstrando uma deslealdade inadmissível em relação aos poderes do Estado", disse Filipe VI em pronunciamento transmitido pela televisão.

"Diante desta situação de extrema gravidade, é responsabilidade dos legítimos poderes do Estado assegurar a ordem constitucional e o normal funcionamento das instituições", afirmou.

Na Catalunha, uma greve foi convocada para esta terça-feira por grupos pró-independência em protesto contra a repressão e afetou os setores de transporte público e serviços básicos na região.

Cerca de 700 mil pessoas protestaram em Barcelona, capital da região autônoma. Os manifestantes se mobilizam em diferentes protestos organizados por toda a cidade, com gritos de "fora as forças de ocupação" em referência aos agentes da Guarda Civil e a Polícia Nacional destacados pelo governo central para impedir o referendo.

Fonte:G1
voltar   home   subir  imprimir
  PUBLICIDADE


| Todos os Direitos Reservados |