LEM News - Notícias que realmente interessam!
(77) 9.9906-1346
DESTAQUES DO LEM NEWS

 

Fonte: Lem News

Pelo menos 58 pessoas morreram e mais de 500 ficaram feridas após um homem atirar do 32º andar do Mandalay Bay, um famoso cassino e resort de Las Vegas (EUA), contra uma multidão em um festival de música na noite deste domingo (horário local, madrugada desta segunda em Brasília). A ação já é considerada o maior ataque a tiros da história dos Estados Unidos.

O massacre foi reivindicado pelo Estado Islâmico. O atirador, identificado como Stephen Paddock, de 64 anos, teria jurado lealdade ao grupo há alguns meses, segundo a Reuters, citando a agência Amaq, que é ligada aos extremistas.

No entanto, o FBI, a polícia federal americana, afirma que não foi encontrada nenhuma evidência de conexão de Paddock com grupos terroristas internacionais. Mais cedo, o xerife da polícia de Las Vegas, Joseph Lombardo, disse acreditar que não se trata de um atentado terrorista e afirmou que o atirador era um morador local, um "lobo solitário".

A primeira informação oficial era de que o suspeito havia sido morto por policiais. Mais tarde, no entanto, Lombardo afirmou que o atirador se matou antes da chegada das forças de segurança. Com ele, foram encontradas 10 armas.

Paddock teria começado a atirar por volta das 22h (horário local; 1h desta segunda, no horário de Brasília), na direção do Route 91 Harvest Festival, um festival de música country ao ar livre. Mais de 22 mil pessoas estavam no local. O número de vítimas ainda pode aumentar.

A polícia chegou a indicar como suspeita de envolvimento no caso uma mulher chamada Marilou Danley, de origem asiática. Depois, autoridades informaram que ela era companheira de Paddock, mas não tem nenhuma relação com o massacre. Ela está fora do país. Agentes procuram um Tucson, com placa de Nevada, que teria sido usado pelo atirador.

 

Fonte: g1

A defesa do senador Aécio Neves (PSDB-MG) impetrou nesta segunda-feira um mandado de segurança, com pedido de liminar, para suspender a decisão da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) que, na semana passada, suspendeu o tucano de suas funções legislativas até o julgamento da ação marcada para o dia 11 pelo plenário do STF, que vai decidir se é legal o afastamento de um parlamentar.

A presidente do Supremo, Cármen Lúcia, pautou o julgamento da ação para a próxima semana, embora senadores possam votar na terça-feira, em plenário, um requerimento para permitir o retorno de Aécio.

No mandado de segurança, o defensor de Aécio alega "prejuízo irreparável" que o cliente sofre com a decisão da Primeira Turma.

O principal argumento do pedido é que a Constituição não prevê afastamento de um parlamentar, como decidira o colegiado. "De fato, o instituto constitucional da imunidade parlamentar não se compadece com a imposição de medida alternativa à prisão de afastamento do cargo de congressista", destacou.

A defesa de Aécio avaliou ainda que, mesmo se se admitir esse afastamento cautelar, a situação do senador é "completamente diversa" do então presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), quando foi retirado de suas funções.

"De fato, é absolutamente temerário aplicar a um Senador da República medida dessa gravidade e violência, que lhe retira do cargo para o qual — insista-se — foi eleito pelo povo, especialmente porque, rememoremos, não há expressa autorização legal e constitucional para medida dessa natureza que, ao fim e ao cabo, revolve princípios básicos de separação de poderes", afirmou.

Fonte: MSN

Fonte: Lem News

Acusado de participar de um suposto esquema ilícito com envolvimento do Partido Progressista (PP), o vice-governador da Bahia e também presidente da sigla no Estado, João Leão, foi inocentado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A Corte aceitou o argumento da defesa de que não havia provas suficientes sobre o caso e, com o mesmo motivo, inocentou outras 13 autoridades, segundo informações do portal Consultor Jurídico. Representante de Leão na Justiça, o advogado Gamil Föppel apontou a ausência mínima de elementos para justificar o prosseguimento do inquérito, que foi aberto com base em denúncias feitas em delações premiadas. "As imputações ao peticionário, feitas indevidamente pelos delatores, são até mais frágeis que outras apresentadas em relação a outras pessoas, que, acertadamente, tiveram promoção de arquivamento suscitada. Que dado concreto, além das palavras ao vento abandonadas pelos delatores, foi apresentado que justificasse a abertura de investigações? A resposta negativa se impõe, máxime quando, por um preceito lógico, não se pode provar fato incorrido", argumentou Föppel. De acordo com a publicação, no entendimento do Ministério Público Federal (MPF), para os demais investigados, o processo segue em trâmite na 13ª Vara Federal de Curitiba, que cuida dos casos vinculados à Operação Lava Jato.

Fonte: CORREIO DA BAHIA

O vidro blindado que protege o busto de Chico Xavier, no Cemitério São João Batista, em Uberaba, apareceu trincado e com marcas de pancadas neste sábado (30). Alguns pedaços de tijolos foram encontrados próximo ao local. O filho do médium, Eurípedes Higino, acredita que o ato de vandalismo foi motivado por intolerância religiosa. Esta não é a primeira vez que algo parecido ocorre. Em junho de 2015, o túmulo de Chico também foi vandalizado.

 

Segurança no cemitério e policiamento 

O diretor do departamento de cemitérios em Uberaba, Carlindo Ferreira, afirmou que a própria direção se ofereceu para trocar o vidro vandalizado. "A manunteção de túmulos não é obrigação da Prefeitura, é da família. Mas em consideração a tudo que Chico Xavier representa para Uberaba, a direção do cemitério vai providenciar a troca do vidro que protege o busto do médium, mas isso só pode ser feito assim que o filho dele liberar a chave. Aquilo que foi danificado, na próxima segunda-feira (2) vai ser reposto", disse.

Porém, em relação à segurança do cemitério, o diretor informou que no local não há sistema de segurança, apenas dois vigias que pernoitam e não fazem vistoria. "A maioria dos roubos e vandalismos acontecem de madrugada. Não temos sistema de vigilância, nem Guarda Municipal para dar apoio constante", afirmou.

Carlindo também acrescentou que há dificuldade em fazer a limpeza do cemitério, porque a equipe de trabalho está reduzida. "Mas sempre que passarem pelo túmulo do Chico Xavier, vão ver que está sempre limpo, vai estar sujo por conta de folhas que caíram durante o dia", alegou.

Já sobre a declaração de Eurípedes Higino em relação o não acionamento da Polícia Militar, o comandante da 67º Batalhão da Polícia Militar (6ºBPM) de Uberaba – área responsável pelo policiamento na região do Ce

"Todos os fatos de algum delito que requer alguma intervenção de segurança pública imediata, com o acionamento da polícia, nós vamos até o local, fazemos o registro da ocorrência. Agora, a frequência disso, em até especial nesta situação, é caso de investigação da polícia judiciária. Ele não queixou de falta de segurança, ele questionou o fato de não ter sido dado sequência a uma ação anterior. Até porque a segurança de cemitério é de competência do Município", justificou o policial.

Fonte: G-1
01
Out/17

DISK GESSO LACERDA

Fonte: Lem News

 



 














 

Fonte: Lem News

Sérgio Moro cansou. Ele confidenciou a um amigo que deseja deixar a 13ª Vara, onde tramita a Lava-Jato, e migrar para uma outra.

Quem o conhece aposta que o juiz sai logo depois de finalizar os processos contra Lula. 

De acordo com a coluna, o limite para o magistrado seria o fim de todos os processos que contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que estão na Vara Federal de Curitiba, sob análise de Moro. 

Moro determinou a primeira condenação do petista em julho do ano passado, mas ainda avalia outras três ações contra Lula, que ainda é réu em ações na Operação Zelotes e na Operação Janus. 

Sob a batuta de Moro na maior parte dos casos, a Lava Jato completou, até o fim de agosto, 165 condenações contra 107 pessoas que, juntas, somam quase 1.635 anos de prisão.

 

Fonte: Veja

Da Redação do Mural do Oeste / Fotos: Gabriel Sena
Foi lançado nesta sexta-feira, 29, em Barreiras, o Aldeia Praiapark, o primeiro parque aquático do Oeste da Bahia. Trata-se de um moderno complexo de lazer que já está em fase de construção no distrito de Rosário, zona rural de Correntina. De acordo com o empreendedor Walter Gama Junior, à região foi escolhida por ser próspera e ter uma localização privilegiada com acesso a centros importantes do Brasil. A mesma lógica o levou a fazer o lançamento em Barreiras. "É a capital do Oeste Baiano e um centro muito importante para o nosso empreendimento" explicou em entrevista ao Mural do Oeste. Gama Júnior lembrou que é empreendedor em Barreiras e na região há muitos anos, já tendo sido proprietário de fazendas no Oeste,  inclusive à fazenda Olinda, muito conhecida na região. O escritório funciona na rua capitão Manoel Miranda, quase em frente a rádio Vale do Rio Grande e ao lado da Escola São José. O Aldeia Praiapark tem também um escritório de vendas em Luis Eduardo Magalhães.

O PARQUE AQUÁTICO
 
Criado com a finalidade de oferecer momentos de lazer para toda à família o Parque vai funcionar como uma praia em pleno Oeste Baiano. Terá a primeira piscina de ondas com água salgada do Brasil, um cenário de beira-mar, com areia, ilhas com ofurôs, cascatas, gêisers e altas ondas, rio lento, bar molhado e uma mega estrutura de lazer e entretenimento para toda família. Oferecerá também jardim temático, praças de lazer, lojas de conveniência e estacionamento para 800 carros. "Será um novo fator que vai ajudar a impulsionar o desenvolvimento da região através do lazer e do turismo" diz Walter Gama Júnior.
 

 

IVETE SANGALO
 
O Aldeia Praiapark conta com uma garota propaganda de peso. Trata-se da cantora Ivete Sangalo, um dos nomes mais respeitados no cenário artístico brasileiro. A  decisão da cantora em aceitar estrelar os anúncios por si só mostram a seriedade do projeto. "Estamos muito satisfeitos e tocando o trabalho a todo vapor, os resultados são muito bons" explicou o proprietário do Aldeia Praiapark.
 
 
 
INSPIRAÇÃO EM PARQUE DOS ESTADOS UNIDOS
 
Walter Gama Junior disse que a inspiração para fazer o Aldeia Praiapark surgiu em uma viagem a Orlando, nos Estados Unidos. "Vi um parque aquático muito bonito lá e pesquisei uma região para fazer algo parecido e vi que o Oeste Baiano oferece as condições para isso por uma série de fatores altamente positivos" relatou. Experiente em empreendedorismo - ele atua também no ramo de hotelaria no Rio de Janeiro, diz que poderia, se quisesse, desfrutar a vida nos Estados Unidos ou na Europa, mas que sua paixão pelos novos desafios e pelo empreendedorismo, o fez optar por esta nova iniciativa. Cercado pela imprensa disse não ter dúvida de que o Aldeia Priapark será uma das maiores referencias de lazer do Brasil. "O Oeste Baiano merece uma opção como essa" finaliza.
 

 

Fonte: MURAL DO OESTE

O Mural do Oeste esteve nesta sexta-feira, 29, no gabinete do prefeito de Luis Eduardo Magalhães, Oziel Oliveira. O gestor comemorava os números divulgados pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia que apontam Lem como o município que apresentou a maior redução de violência entre todos os municípios baianos. 
 
Aos números da SSP:
 
Em relação a esse mesmo período do ano passado Lem teve 20% de redução do número de homicídios. 30% de redução do número de roubos, 35% de redução do número de acidentes de trânsito e 80% dos carros roubados foram recuperados.
 
O prefeito Oziel Oliveira afirmou  que este cenário é uma conjugação de esforços que começam com os investimentos feito pela sua gestão na segurança pública e culminam com o trabalho competente realizado pelas policiais Civil e Militar. Ele diz que a sua gestão  não poupou esforços para melhorar a segurança pública em Luis Eduardo Magalhães. E informa que foram feitos investimentos importantes como aquisição de motos, viaturas, curso de capacitação para a Guarda Municipal, bem como a aquisição de fardamentos novos e EPI - Equipamentos de Proteção Individual. "Foi um compromisso nosso trabalhar sem descanso para diminuir os índices de violência em Luis Eduardo Magalhães e isso nós estamos conseguindo" frisou.
 
Oziel diz ainda que vão ser construídas mais 5 bases da Guarda Municipal em diversos bairros e em pontos estratégicos da cidade. Ele destaca ainda a atuação do Corpo de Bombeiros que presta relevantes serviços a cidade de Lem. Outro avanço é a expansão do serviço de monitoramento do trânsito com câmeras inclusive com identificação de placas dos veículos que circulam na cidade.
 
O secretário de Segurança e Ordem Pública, Daniel Alvarez, ressaltou que a orientação do prefeito é dinamizar o setor para que as famílias de Lem possam viver em paz. "Isso está sendo feito e os resultados tem sido bons" disse.

 

Fonte: MURAL DO OESTE

A Design Center vai inaugurar na terça-feira, 10 de outubro, em Luís Eduardo Magalhães, o showroom da S.C.A., empresa gaúcha de móveis planejados com 50 anos de tradição. O espaço, que contempla a coleção Effetto S.C.A., promete surpreender clientes e profissionais da área, atendendo às exigências do público antenado às tendências e ao design contemporâneo.

O evento terá uma programação de rodas de conversas com três arquitetas parceiras da Design Center. No período da manhã, às 9h30, o “Café com a Isa” vai trazer a arquiteta Isabela Cruciol em um bate-papo repleto de ideias e tendências para planejar armários e closets. Às 16h, será vez do “Brunch com a Su”, com a arquiteta Susane Karine apresentando dicas e tendências para projetos de móveis planejados. E o “Happy hour com a Fabi”, às 18h30, terá a arquiteta Fabiana Laurindo com ricas orientações para planejar da cozinha ao espaço gourmet.

A inauguração será aberta a todos que quiserem conhecer o showroom e a linha de cozinhas Effetto S.C.A., uma coleção configurada e pensada nos mínimos detalhes para os amantes do minimalismo contemporâneo. Os produtos, exclusivos para esta coleção, conjugam-se entre seis combinações distintas, baseadas no refinamento de superfícies. A coleção apresenta diferentes cores de vidro, eleitas para combinar com seis tonalidades de laminados estruturais de alta resistência (TS). Esses acabamentos batizados de Bianco, Macadamia, Minerale, Nero, Concrete e Solino, desfilam com texturas que agradam a diferentes estilos. Esse rol de superfícies traz desde acetinados e sem brilho, texturizados marcados e brilhantes, até rústicos e naturais, que remetem ao efeito do concreto, da pedra e do aço cortein. Na Effetto S.C.A., uma cozinha livre de excessos, tudo se encaixa e está em perfeita harmonia.

O evento acontecerá entre 09h e 20h, na loja Design Center, localizada na Rua Rondônia, 270, no centro de Luís Eduardo Magalhães.

 

A S.C.A.

A S.C.A. está inserida no segmento moveleiro desde 1967. Sempre destacada pelo design e pela qualidade, a empresa localizada em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, Brasil, conta com os mais avançados equipamentos para a indústria moveleira.

 

Com tecnologia de ponta, e certificada pelas normas ISO 9001, ISO 14001 e OHSAS 18001, a empresa consolida-se no mercado de mobiliário oferecendo produtos para cozinhas, dormitórios, closets, banheiros, lavanderias, home theaters e home offices, além dos mais variados ambientes corporativos. No Brasil e exterior, atualmente setenta pontos de venda exclusivos levam a marca S.C.A.

 

 

Serviço

Showroom S.C.A. na Design Center

Data de inauguração: 10/10/2017

Horário: 09h às 20h

Endereço: Rua Rondônia, 270, no centro de Luís Eduardo Magalhães.

Fonte: LEM NEWS

Um homem de 25 anos foi preso em Capixaba (AC), na noite desta quinta-feira (28), após engolir 104 cápsulas de cocaína.

Durante abordagem da Polícia Rodoviária Federal do Acre, na BR 317, o homem demonstrou nervosismo. Levado ao Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco, um exame de raio X revelou as cápsulas no estômago dele. No total, o homem ingeriu um quilo da droga. A PRF-AC informou que o preso é paraense e mora no Suriname.

O rapaz estava em um táxi que havia saído de Cobija, na Bolívia, com direção à capital acreana, Rio Branco. Além da droga no estômago, a polícia descobriu durante revista pessoal que ele trazia na cueca 1 mil libras esterlinas, R$1 mil, passaporte e medicamento para enjoo.

Aos policiais, o homem confessou que pretendia levar a droga para Barcelona, na Espanha. A droga foi levada para a sede da PRF-AC na capital e o homem ainda se encontra no hospital, mas deve ser levado também para a polícia.

Fonte: G-1

Fonte: LEM NEWS

 

Fonte: Lem News

A Interpol anunciou nesta quarta-feira, em decisão que contraria o governo de Israel, que a Palestina será integrada aos seus quadros como Estado-membro com direitos plenos, após votação ocorrida na assembleia-geral da organização internacional de policia criminal em Pequim.

“Essa vitória foi possível devido à posição da maioria dos membros da Interpol”, disse o ministro de Relações Exteriores palestino, Riyad Al-Maliki, em comunicado. Setenta e cinco países apoiaram a entrada da Palestina, enquanto outros 34 se abstiveram na votação. Vinte e quatro membros, entre eles Estados Unidos e Israel, votaram contra os palestinos.

Israel defende que a Palestina não é um Estado reconhecido e, por isso, seria inelegível para participação na Interpol. O país havia tentado provocar o adiamento da votação para o ano que vem, e contava com o apoio dos Estados Unidos, que na terça-feira apresentaram uma moção para paralisar o processo de admissão – ambos os pedidos foram rejeitados.

“Este é um momento de comemoração para todos os que acreditam no direito do povo palestino a um Estado soberano e independente”, disse à Agência Efe o porta-voz da Organização para a Libertação da Palestina (OLP), Xavier Abu Eid. “Os que se opõem são simplesmente os que estão dispostos a normalizar o controle israelense sobre as nossas vidas e o nosso destino”, acrescentou.

A entrada da Palestina na Interpol faz parte da estratégia do país para ganhar reconhecimento internacional diante do processo de paz com Israel e a falta de perspectiva de um acordo entre as duas partes. Em 2011, os palestinos foram admitidos na Unescoe, em 2012, como “Estado observador” na ONU. Em 2015, o país foi integrado ao quadro do Tribunal Penal Internacional.

Além da Palestina, Ilhas Salomão também foram admitidas pela assembleia-geral como Estado-membro da Interpol. Kosovo, que também havia solicitado a entrada na organização, retirou a candidatura ontem por falta de apoio. O órgão é composto agora por 192 membros.

Fonte: MSN

 

Fonte: Lem News

Com a meta de capacitar e emancipar financeiramente famílias beneficiárias do Bolsa Família e inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais, o governo federal lançou hoje (26) o plano Progredir. A expectativa do Ministério do Desenvolvimento Social é emancipar até um milhão de famílias nos próximos 2 anos.

O plano tem ações de capacitação, incentivo ao empreendedorismo e acesso ao mercado de trabalho e vai disponibilizar R$ 3 bilhões por ano em linha de microcrédito para o público-alvo investir em pequenos negócios.

A ideia é que, com o tempo, os beneficiários possam ter meios de garantir ganhos e não dependam mais dos programas de transferência de renda e do Bolsa Família. O ministro do MDS, Osmar Terra, disse que o Progredir busca avançar para a inclusão produtiva.

“A proposta estava sendo apenas a da transferência de renda, mas as pessoas que estão no Bolsa Família querem e precisam progredir. Não é perspectiva de vida de uma família achar que vai ficar vivendo do Bolsa Família para sempre, temos que oportunizar que essas famílias tenham uma renda melhor para si e suas famílias”, disse Terra.

Ao discursar na cerimônia, o presidente Michel Temer reafirmou que o programa Bolsa Família não vai acabar. Ele disse ter a expectativa de que, em um período entre 10 e 15 anos, os programas de transferência de renda não sejam mais necessários em função da melhora da situação da população. “Tenho o sonho de que possamos vir comemorar a desnecessidade de qualquer benefício de natureza individual porque todos estarão empregados no nosso país”, disse.

O Progredir funcionará de forma articulada entre parceiros públicos e privados. Na cerimônia de lançamento, o ministro informou que empresas parceiras vão reservar 10% das vagas de emprego ofertadas para o público do plano.

A adesão ao Progredir e uma eventual contratação com carteira assinada e aumento da renda não acarretará na exclusão imediata do Bolsa Família. Segundo Osmar Terra, aqueles que alcançarem renda de até dois salários mínimos continuarão recebendo o benefício por pelo menos dois anos. Atualmente, 13,5 milhões de famílias recebem o Bolsa Família.

Fonte: MSN

Fonte: Lem News

De um lado, associações católicas e evangélicas. De outro, órgãos tão díspares quanto a Federação das Associações Muçulmanas e a Liga Secular Humanista do Brasil. No meio, crianças do ensino fundamental - e os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Nesta quarta-feira, o STF deve retomar o julgamento da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 4439, que discute diretrizes sobre o ensino religioso nas escolas.

A ação foi proposta em 2010 pela Promotoria Geral da República (PGR) e pede que, no ensino fundamental na rede pública, só haja aulas de religião se o conteúdo se tratar "das doutrinas, práticas, histórias e dimensão social das diferentes religiões". O professor ou professora da disciplina também não deve privilegiar ou ser representante de nenhum credo - como um padre, um rabino, um pastor ou uma ialorixá (mãe de santo).

Atualmente, a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional prevê que as escolas ofereçam obrigatoriamente o ensino religioso para crianças. No entanto, a disciplina é facultativa, e os alunos só participam se eles (ou seus responsáveis) manifestarem interesse.

Mesmo assim, a PGR entende que, por não determinar se as aulas podem ser confessionais (ligadas a uma confissão religiosa) ou não, a lei dá espaço para que predomine o ensino da religião católica nas escolas municipais e estaduais - o que violaria o princípio de que o Estado é laico.

O STF já deu início ao julgamento - faltam votar hoje apenas Marco Aurélio, Celso de Mello e Cármen Lúcia. Após as duas primeiras sessões em que o STF analisou a ação, o placar está em cinco votos contra o pedido (Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Dias Toffoli, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski) e três votos a favor do pedido da PGR (Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Rosa Weber).

O que está em jogo, para alguns, é o respeito à letra da Constituição de 1988. Para outros, o grau de tolerância às diferenças religiosas que temos hoje no país. E há quem acredite que o ensino de religiões cristãs nas escolas reflete a demografia do povo brasileiro e que seria "ingratidão" impedir o ensino confessional nas escolas. 

Fonte: MSN
voltar   home   subir  imprimir
  PUBLICIDADE


| Todos os Direitos Reservados |